sexta-feira, 16 de março de 2012

Suave estrelejar





Ela amanheceu estranha. Colocou os braços na beirada da janela e ficou olhando pra fora, admirando o horizonte e o sol que clareava tudo a sua volta, mas mesmo em meio a essa bela imensidão ela não conseguia se sentir bem, a garganta estava cheia de nós.

Até que decidiu virar a paisagem do avesso e ao invés de olhar pela janela se apoiou do lado de fora pra espiar dentro. Nesse mergulho foi fundo, encontrou dores e medos que encarou de frente. Ficou em carne em viva. Chorou, quis recuar e não olhar mais, mas sabia que isso seria fugir de si mesma. 

De alguma maneira ela sabia que seu crescimento só dependia de seu querer aprender, do seu colocar em prática as lições ensinadas pela escuridão. Porque palavras são folhas verdes de uma árvore cujo o tronco são as atitudes. Uma árvore sem tronco são apenas folhas secas, sem cor, caídas no chão. No outono são lindas, mas só no outono.


No meio de todo breu, ela aprendeu a estrelejar seu próprio eu.
Há momentos que o melhor a fazer é desacelerar. Desligar a paisagem de fora para poder admirar melhor a de dentro. É redescobrir a cor da vida redescobrindo a própria claridade.
Meire Oliveira

26 comentários:

  1. Menina
    Você é um Sol que ilumina nossas mentes e nossos corações.
    Não é fácil olhar pra dentro, mas é necessário quando se quer chegar à Luz.
    Gratidão
    Zizi

    ResponderExcluir
  2. Tens toda razão...Olhar pra dentro de nós com calma faz bem realmente... beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Que lindo, minha doce amiga, este teu estrelejar interno!É no silêncio que buscamos nossas respostas e forças para enfrentar a paisagem exterior e buscar o brilho da vida.
    Suave, harmônico e doce como você.
    Muito brilho.Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  4. Oi florzinha, "estrelejar" foi magnífico, adorei esse termo, aliás você é Mestra na arte de criar e brincar com as palavras.
    Essa sua espontaneidade e autenticidade que torna tudo que escreve "maravilindo" rsss adotei esse termo e amo citar ele rsss aprendi contigo!
    Te ler sempre me faz viajar no infinito, rega meus jardins interiores de sabedoria e muita luz, beijos e ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
  5. Meire,eu adorei essa história de virar a paisagem do avesso!Quem nunca fez isso?...rss...lindo seu conto e msg!Bjs,coração de mel, de melão!

    ResponderExcluir
  6. Oi Meirinha!
    Lindo isso! Quando vem esta necessidade de olhar para dentro... este mergulho nem sempre é prazeroso, mas nos ajuda a ter um novo direcionamento da vida. Que bom que você faz este percurso de forma tão saudável.
    Beijinhos e um super fds!

    ResponderExcluir
  7. As vezes é tão necessária essa viagem interna ^^
    vc sempre doce Meire,
    beijos ****

    ResponderExcluir
  8. Olá amiga Meire. Esse processo é doloroso, difícil, traz dor. Mas é o único caminho para a evolução. Beijos.

    ResponderExcluir
  9. "Porque palavras são folhas verdes de uma árvore cujo o tronco são as atitudes."
    Que lindo!!! Adorei!!!
    beijos flor e Bom final de semana pra vc! :)

    ResponderExcluir
  10. Muito lindo seu texto! Quantas vezes olhamos a vida e encontramos breu, sem perceber que a escuridão não está lá fora, mas dentro de nós.

    (obrigada) Bjs.

    ResponderExcluir
  11. Maravilhoso seu estrelejar, belíssimas palavras, mais belas ainda são as atitudes...voltar-se pra si, é um ato de coragem, que vale a pena, coloca luz em cada cantinho nosso que esteja na escuridão, nos faz despertar, assumirmos ser quem realmente somos.
    Beijinhos, doce final de semana,
    Valéria

    ResponderExcluir
  12. Olá querideza,

    Que texto mais lindo!
    Adorei o "estrelejar". É a primeira vez que vejo tal expressão.
    No momento em que a paisagem externa não consegue trazer brilho aos nossos olhos é preciso mesmo virá-la do avesso. Não é fácil, mas o resultado é sempre compensador, pois resgatamos a luz que guia nossos passos.
    Faço uso de suas próprias palavras: "Raios de sol só iluminam quem sabe apagar a escuridão."

    Já estava com saudades de sua presença iluminada em meu recanto.

    Obrigada por votar na mana.

    Que seu final de semana seja de festa em seu coração.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  13. Oi Meirinha, que blogada linda hein moça? A começar pela imagem, depois o neologismo "estrelejar" e pra completar a delicadeza com que escreves faz com que o leitor fique encantado, fazendo a releitura.

    bacios lindeza!
    Bom findi

    :)

    ResponderExcluir
  14. Olá Meire... muito lindo teu blog. Sou a Lindalva da Ilha e moderadora do Ostra da Poesia. Vim firmar que o teu voto 6º Pena de Ouro foi computado com sucesso. . Beijos perfumados no coração!

    ResponderExcluir
  15. Meire sabe que fiz isso e deu certissimo!!Bom fim de semana querida!!

    ResponderExcluir
  16. Minha amiga é importante conhecermos o nosso "Eu" para melhor seguirmos a nossa caminhada.
    Bom fim de semana
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  17. Que delícia é saber viver.Excelente crônica, é tão boa com crônicas, quanto com poesia.
    Lindo fim de semana para vc.
    Gd beijo

    ResponderExcluir
  18. Menina-luz,
    que imagem maravilhosa vc nos oferta:
    ...virar a paisagem do avesso e ao invés de olhar pela janela se apoiou do lado de fora pra espiar pra dentro[].
    Pura poesia nesse olhar.
    Que as folhas verdes encham troncos robustos á tua volta.
    Bjkas,
    Calu

    ResponderExcluir
  19. É Meire... só se consegue "estrelejar" olhando pro escuro...
    Ainda bem que "ela" percebeu.

    Beijo
    Jan

    ResponderExcluir
  20. Meire linda,como é encantado o que vc escreve.
    Aí que maravilha ler,eu amo passar por aqui.
    Um lindo domingo pra vc.Abração,=)

    ResponderExcluir
  21. Olá, Meire! Temos muitas vezes que parar e olhar pra dentro de nós. Belas palavras fadinha! Estou em falta, muito trabalho e plobremas de conexção com a nete. Bom domingo pra vc doce fadinha! Te gosto muito. Bjokitas mega e master no seu coração.

    ResponderExcluir
  22. Olá, flor iluminada! Que leitura maravilhosa! Às vezes é bom dar uma olhada por dentro...

    Beijos no coração

    ResponderExcluir
  23. Bom dia Meire querida


    Que lindo seu texto hoje viu moça...
    Parece escrito pra mim...
    Já fiz isso várias vezes, olhei do outro lado da vidraça pra ver o que estava acontecendo do lado de dentro e isso sempre me ajudou...

    Beijos e uma linda semana pra você.
    Ani

    ResponderExcluir
  24. Bom dia,Meire!!

    BELÍSSIMO TEXTO!!!!E como olhar para dentro é necessário...encarar tudo o que está lá bem guardadinho, de frente, com coragem.E fazer surgir luz...ah!Que bom!rs
    Minha linda estas cada dia melhor!!!E digo com toda a minha sinceridade!
    Adorei o estrelejar...que linda palavra!Pra mim é nova!rs
    Beijos!!Boa semana!

    ResponderExcluir
  25. A vida é uma descoberta permanente de novas claridades!...


    Beijos,
    AL

    ResponderExcluir
  26. Ai Meire,passei para retribuir sua gentil visita e dizer que me emocionou seu comentario!Lindo de viver esse seu texto!Vou salvar pra postar no Recanto depois!bjs e meu carinho pelo dia dos blogueiros!

    ResponderExcluir

Cartas de fora para dentro - carta 2

Quando pequena achava que só se nascia uma vez, mas quando cresci descobri que temos muitas vidas em uma. Que é preciso subtrair o p...