domingo, 5 de fevereiro de 2012

Sensibilidade na alma







Quem tem sensibilidade empregnada na alma sente além dos sentidos,
vê além da linha do horizonte, voa além das próprias asas.

Quem tem sensibilidade na alma, tem o coração iluminado pelo sol,
encharcado pela chuva, perfumado pelas flores, guiado pelas estrelas.

Quem tem sensibilidade na alma suspira diante de pequenezas, transborda diante de gentilezas, floresce com gestos de delicadeza.

Quem tem sensibilidade na alma faz das dores melodias, das alegrias mar sereno pra nadar.

Quem tem sensibilidade na alma tem uma flor encantada bordada do lado de dentro do peito que exala perfume por onde passa.

 Meire Oliveira

Palavras da querida Van, uma pessoa de ímpar sensibilidade, do Retalhos do que sou :


Meire, sua palavra é Transparência, blog My Crystal Visions

Meire é um dos maiores exemplos de equilíbrio, força e meiguice que conheço, seu otimismo, sua alegria e bons sentimentos são contagiantes, lê-la é alimentar nossa força, nossa disposição para a luta e para nos fazer felizes, seus escritos trazem mensagens poderosas de amor e esperança, refletem sua atitude perante a vida, as adversidades e as dádivas, possui uma linguagem cativante, escreve super bem, com forma e conteúdo atraentes, criativos, inspiradíssimos. Meire é dessas pessoas que se faz feliz fazendo feliz ao outro. Uma grande mulher, guardadinha naqueles invólucros delicados e suaves que identificam bem a força e a doçura femininas.

33 comentários:

  1. E tu tens tudo isso!!!E deixas perfumes até com palavras...beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Essa sensibilidade, como guia, não nos deixa abandonados, nos caminhos.
    Ela traz sonhos, fé e amor. Esse perfume, você sempre deixa em nossos cantos.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Meire,
    Concordo com as amigas Chica e Marilene, você tem essa sensibilidade, lindas e perfumadas palavras, um abraço, e uma semana encantadora pra você!

    ResponderExcluir
  4. "voa além das próprias asas."
    TÃO BONITO ISSO MEIRE!

    AMO SUA SENSIBILIDADE.

    BEIJÃO
    JAN

    ResponderExcluir
  5. Olá, Meire. Vc tem tudo isso amiga! Bela alma... com flores no peito. Amei o post fadinha! Desculpe a falta. Tive essa semana uma grande perda de alguem muito querida! Estou feliz por estar aqui. Bjokitas carinhosas nesse coraçãozinho de melão! Boa semana querida.

    ResponderExcluir
  6. Sensibilidade sua compartilhar conosco um texto tão belo...beijos...

    ResponderExcluir
  7. Quem assim o tem é uma criatura de luz intensa e criadora de momentos únicos, como vc ,Meirizinha, anjinha de sensível-alma.
    "...Flor encantada bordada do lado de dentro do peito; perfumosa..."

    Bjos e linda semana p/ti,

    Calu

    ResponderExcluir
  8. Você se descreveu tão bem, menina!!
    :)

    Beijão pra você, e tenha uma semana radiosa.

    Cid@

    ResponderExcluir
  9. Meire, querida!

    Toda esta sensibilidade da qual falas, encontro em seus escritos. Tudo o que dizes é cheinho de delicadeza e carinho.

    Beijo

    ResponderExcluir
  10. Bom dia,Meire!!!!

    Belíssimo minha linda!!!!!E é tão bom conhecer gente assim!!!Você espalha perfume em tudo!!!Como disse a Chica, até nas palavras!!!E é verdade!!!
    Fique bem!!!Está conseguindo se manter comportada, bem quietinha?!!rsrsr Não deve ser nada fácil...para uma menina serelepe!!!rsrsr
    Bom começo de semana minha amiga!!!!

    ResponderExcluir
  11. Oi Meire, passando pra desejar ótima semana e que esta tua sensibilidade continue nos apresenteando com estes lindos textos. Um charme, tá? rs

    beijo com ca.rinho da amiguita
    Lu C

    ResponderExcluir
  12. Olá Meire, vim do blog da Van.
    Passei e gostei daqui, mas sabe? Eu já sabia que iria gostar.A Van tem a sensibilidade para a doçura.

    Beijinho vou ficar.

    ResponderExcluir
  13. Lindoooooo Meirinha!
    Poeticamente maravilhosas suas palavras.
    Feliz de quem é assim e deixa a sensibilidade tocar a tudo e a todos de uma forma delicada, sutil, suave, perfumada, tendo a capacidade de deixar a alma agir, o coração falar, tudo ao redor, florir...
    Você é assim e nem fique envergonhada hein?
    Beijinhos e feliz semana,
    Valéria

    ResponderExcluir
  14. Querida quem tem sensibilidade na alma é que nem você, uma doce mulher.
    Dias ensolarados.Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  15. Olá querideza,

    Tem sensibilidade quem sabe sentir, como você!
    A sensibilidade é que nos torna vivos.

    Beijos adocicados.

    ResponderExcluir
  16. Meire,que bela poesia vinda de seu coração de mel, de melão,sempre muito sensivel e inspirado!Bjs e meu carinho!

    ResponderExcluir
  17. Que texto mais lindo, deixa a gente encantada e com a alma leve!
    Linda semana para vc minha flor!
    Gd beijo

    ResponderExcluir
  18. Também cheguei aqui pelo blogue da Van e não posso deixar de agradecê-la por esse momento "sensorial". Porque olhamos para fora e vez ou outra, temos que dar uma olhadinha para dentro! Beijus,

    ResponderExcluir
  19. Lindo!
    Que saudades que estava daqui!
    Beijos, amiga!

    ResponderExcluir
  20. Há um texto lindo que o Matheus realizou um tempão atras preciso encontra-lo que diz do VER ALÉM QUE OS OLHOS VEÊM, é o ter olhar clínico,e os especiais são assim mesmo possuem essas sensibilidade de perceberem a sinceridade de alguém.Quando somos privados de um dos nossos sentidos somos capazes de desenvolver outros.E há quem já venha com essa sensibilidade ,uma delas quando você escreve,é bom estar aqui,suas inspirações fazem-nos refletir,viajar,sensibilizar pela vida.Abraço fraterno.

    ResponderExcluir
  21. Necessitamos da alma sensível para contemplar a beleza, a verdade,
    nos sentimos mais leve....

    tava com saudades do seu cantinho, da sua escrita sensível.
    Parabéns

    Grande abração pra ti
    Giovanna

    ResponderExcluir
  22. Oi florzinha, passando hoje, pra te desejar um lindoooo dia! Beijos
    Valéria

    ResponderExcluir
  23. Lindona você Meire!
    Deus abençoe cada vez mais a sua vida e ilumine seus caminhos! Menina iluminada!!!

    *Fiz o post de hoje... mas não tõ conseguindo postar! Já pensou? Esse blogger é mesmo danado! rsrs

    Beijokas, querida.

    ResponderExcluir
  24. Oi Meire,

    é assim mesmo, você descreveu direitinho a sensibilidade na alma,
    é o que nos mantém transbordantes o tempo todo.

    Um beijo querida

    ResponderExcluir
  25. Olá amiga Meire. Concordo inteiramente. Você é mesmo uma pessoa especial. Beijos.

    ResponderExcluir
  26. Bom dia,Meire!!!!

    Vim deixar um beijo minha amiga!!!!
    Sabe?Concordo PLENAMENTE com o que a Van disse de você!!!!
    Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  27. Oi,amiga!
    Lindo poema! A sensibilidade traz o colorido da paz para o nosso coração!
    Eu também concordo com todas as palavras da Van. Você é mesmo assim:cheia de meiguice,alegria e uma doçura que contagia!
    Que Deus a conserve sempre assim!
    Um grande e forte abraço,com carinho,
    Angela

    Fico feliz que já tenha se recuperado e esteja novamente escrevendo seus textos encantadores!

    ResponderExcluir
  28. Aiii lindeza... você é um serzinho único, uma espécie em extinção... do tipo das.... das... fadinhas !!
    Você merece amada!! Amo vc! Bjkasss

    ResponderExcluir
  29. Que lindo Meire, quanta poesia em tua palavras,especialmente "Quem tem sensibilidade na alma tem uma flor encantada bordada do lado de dentro do peito que exala perfume por onde passa", amei!!!
    Você é assim, e só tenho a agradecer sua amizade e seu carinho,maravilindo dia pra ti!

    ResponderExcluir
  30. Meiroquinha...eu tinha certeza que Os Anjos eram perfumados.

    Um beijo de quem te ama!!

    ResponderExcluir
  31. Meire
    meiga amiga

    Essa sua sensibilidade em nos passar lindas mensagens é que nos dão a certeza de que a vida vale a pena.
    Concordo com as palavras da √an. Você é essa flor encantada que por onde passa deixa o perfume das estrelas.

    Beijussss

    ResponderExcluir

Eu te convido a sentir

Hoje eu vim te convidar para fechar mais os olhos. E quando digo fechar mais os olhos é para internalizar mais, para sentir mais. E dar...