segunda-feira, 25 de julho de 2011

Leveza que dança



Ela  sabe transformar um furacão num sopro delicado.
Por sua cabeça só passam  coisas boas, as ruins manda lavar com um bom sabão até ficarem limpas de qualquer desassossego.
Fecha os olhos devagar até se tornar parte do vento, sabe transformar as pessoas más em anjos de acolhimento. Suas asas ficam dentro do coração e têm os mais diferentes desenhos: redondos, quadrados, pintados à mão com o pincel da imaginação. Se a tristeza quiser chegar, com um sorriso faceiro ela manda pra longe voar. Nas noites de tempestade, sai para lavar a alma e depois pinta um sol lá em cima para secar devagar. Ao olhar no espelho de sua alma, enxerga pequenos cristais dançando. O que ela encontrou depois de tanto procurar? Uma suave leveza, leveza de viver, de sentir, de sonhar, de imaginar e vibrar de emoção.

A leveza vem na hora exata, é um sopro calmo num instante segurado pela alma.

®Meire


Renata Arruda- É ouro pra mim



24 comentários:

  1. Meire, amigaaaa! rsrsr
    Doce leveza! Que nos faz sentir com menos de 5kg de alma!
    Beijos e ótima semana!

    Lindo texto, me senti leve! rsrs

    ResponderExcluir
  2. Então eu faço que nem o Vander Lee:

    "vou jogando flores pra ela passar"

    Que lindo, Meire! Abraços e ótima semana. Paz e bem.

    ResponderExcluir
  3. Meiroca, que doce!

    Lindo texto pra começar a semana!
    Que os teus dias dancem nesse ritmo, calmo, intenso, vibrante nos tons e acordes mais leves!

    Boa semana, lindezinha!
    Um beijo grande!!

    ResponderExcluir
  4. Bom dia,Meire!!

    Adorei a sensibilidade e a cadencia do texto...me encantei e sonhei!!
    Imagem belíssima!!Sintonia perfeita, e assim minha alma dança...
    Obrigada!
    Beijos bom início de semana!

    ResponderExcluir
  5. Olá flor,me encantei com seu texto,um sopro de encanto em tuas palavras...
    Fiz um selo de presente para ti,"O seu blog é um charme",com desenhos da Sarah Kay, escolha um que mais gostar. Eles estão embaixo das postagens...
    Beijocas!!!

    ResponderExcluir
  6. Meire... Que post, hein?!
    Maravilhosooooo!
    Obrigada por nos agraciar com seus escritos, querida. São sempre tão bons e passam uma mensagem maravilhosa :)

    Bjs e uma ótima semana p/ vc,

    Tânia

    ResponderExcluir
  7. Meire,Querida!
    Que consigamos encontrar diante de tanta busca essa leveza do corpo e da alma ;)
    Uma ótima semaninha,Amada!
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Hola amiga!

    Gentil passagem e passos pelo Avessamente, agradecida.

    Perfeito quando atingimos esta sabedoria e nos deixamos levar pela leveza do instante, ou melhor, somos capazes de "levezar", ainda que os pesos tentem manter-nos cativos ao chão.

    Parabéns pelo blog!
    Tenha uma excelente semana.

    ResponderExcluir
  9. Meu pai sempre me disse que nem todos acreditam em anjos, pois os amigos de almas iluminadas estão sempre abrindo suas asas sobre nós e nem sempre o percebemos. Lindo texto sobre uma nobre alma. Parabéns Meire. Bjs! A.

    ResponderExcluir
  10. Menina Meire :)

    Fiquei encantada com sua visita e com o seu carinho.

    Quanto ao texto, eu costumo dizer que, são pessoas assim, que fazem o mundo girar. Não fossem elas, acredito que há muito, Deus já teria desistido do ser humano.
    São verdadeiros "para-raios" do bem.

    Te desejo uma linda e feliz semana.

    Te cuida!

    Jinhos meus,

    Cid@

    ResponderExcluir
  11. Meire, minha flor, é assim que me sinto quando cá venho: leve, transparente, sonhadora. Seus cristais mágicos, com tamanha delicadeza, sempre com palavrinhas doces, humildes e sensatas, que me tocam o coração. Aqui é lindo, Meire. E eu me sinto sempre melhor.

    "Fecha os olhos devagar até se tornar parte do vento, sabe transformar as pessoas más em anjos de acolhimento. Suas asas ficam dentro do coração e têm os mais diferentes desenhos."

    essa leveza é mesmo uma pureza eficaz na vida da gente. Tem gente que sabe ser leve e faz morada no nosso coração que, mesmo sendo tão leve como o vento que passa, a gente pode sentir tudo bem de pertinho, até mesmo o sopro suave que sai quentinho da alma, do coração, da vida humana.

    Beijinhos, querida.

    ResponderExcluir
  12. Que lindeza de poema Meire!!
    Levar a alma para lavar na chuva e depois pintar o sol lá em cima... Amei!!!
    Bjs amiga e linda semana pra ti.

    ResponderExcluir
  13. a suavidade da vida e na vida..
    post delicioso Meire..
    beijos e linda semana..

    ResponderExcluir
  14. Meire... minha linda..
    Eu já sabia e ja tinha dito a vc que vc é um anjo..Anjo Pop, porque vc é moderninha.
    E olha a lindeza que vc escreve??
    Sou sua fã..incondicional..
    Independente da nossa amizade virtual..vc escreve de maneira delicada, sempre com uma mensagem que eleva.
    Vc é das minhas!! te adoro anjinho pop!!

    Ma

    ResponderExcluir
  15. preciso de leveza, calma e novos sonhos.... beijos e boa semana!

    obrigada pelas msgs...

    ResponderExcluir
  16. Meire, querida,
    Tenho ficado fora da telinha aos domingos. Nem faço postagem, pois não haveria possibilidade de retornar os comentários.

    Todos nós deveríamos alcançar esta leveza de "ser" e de "viver". Não assimilar nada que possa trazer sombra às nossas almas.
    Amei! De uma delicadeza e pureza que somente poderiam brotar do seu lindo coraçãozinho.

    Beijolas, com suave leveza.

    ResponderExcluir
  17. Olá Meire, lindas palavras como sempre. E confesso que uma pessoa em peculiar me ocorreu em seus escritos, sobre as levezas e a maneira com que trata as situações desagradáveis.
    Adorei as palavras, e com certeza todo um ensinamento que permeia em todas elas!

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Meire,querida. Dà para viajar nessa leveza de poema. Beijinhos master no seu coração!

    ResponderExcluir
  19. Mais uma vez, muito lindo, Meire.

    Abração.

    ResponderExcluir
  20. Que dança leve, linda e autentica!!!

    Bjs meus...

    Catita

    ResponderExcluir
  21. Parabéns prá você!!!
    Hoje dia 25 de julho é um dia dedicado a homenagear o escritor brasileiro, aquele que elabora artigos científicos, pautados em verdades comprovadas, ou textos literários, divididos em vários gêneros.
    Obg por caminhar junto comigo nas letras...
    Bjsssssssssssssss

    ResponderExcluir
  22. Meiroca Pirilimpimpim,
    No auge da minha maturidade tenho a mais absoluta certeza que consegui chegar a esse nirvana que é descrito nesse post, sem querer, de forma alguma, parecer pretensiosa pra você. A mim não interessa soprar ventos ruins, dar bola para a tristeza, magoar os outros, despertar sentimentos ruins nas pessoas que me cercam. Geralmente, não me sinto triste, mando a tristeza passear. Só que, minha sweet English teacher, há dias em que a gente é tão esfolada nas ruas da vida e que uma tristeza infinita se apodera da gente que essa leveza se transforma numa dureza sem fim. Essa á a hora de lavar a alma, para poder dançar levemente em seguida... Nessas horas, chamo o meu grande amigo, o meu confidente, o Cara lá de cima, peço fé e proteção, e uma brisa suave, mas poderosa, vem lá dos céus, diretamente de Deus, e me torna leve de novo, me faz dançar a dança dos bons. O importante na vida, minha linda, é a gente ter fé, porque a cada obstáculo a gente pode até cair, mas levanta rapidinho com mais força, agilidade e dignidade. Essa deve ser a dança da vida!
    Esse foi um de seus textos mais bonitos que li. Me fez um bem danado... Fez minha alma dançar além das nuvens, protegida por seus lindos anjos e adquirir um porte de madeira-de-lei, cheia de confiança para abrigar o bem e afugentar o mal. Obrigada, meu amor, você é muito importante na minha vida. Bjkitas achocolatadas!

    ResponderExcluir
  23. ...e depois ficar :'Livre, leve e solta...' :)

    Boa semana querida...beijão!!

    ResponderExcluir
  24. Se a leveza vem na hora certa, eu quero muito dela para minha vida! Beijos.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...